Como se forma nossa identidade? Quem é o ser humano?

Um ser em relação: que se reconhece, se identifica e se constrói nas relações. De onde veio meu nome? Que expectativas minha família tinha de mim? Pai, mãe, amigos, irmãos, avós, tios… Quem forma nossa primeira rede de relações, nosso átomo social? Assim vamos, com perguntas e com histórias, vivendo e revivendo, construindo novas histórias, as quais permeiam a formação da identidade humana, ou, como nomeamos no Psicodrama, a Matriz de Identidade.

Seres humanos que se conectam e também formam grupos, com identidade coletiva. Quem são os alunos da turma de psicodrama da Casa João de Barro? Já começamos a nos conhecer, nos conectamos uns com os outros por meio de nossas relações e histórias pessoais. Construímos uma história desse grupo a cada encontro, o que nos torna essa turma.

Cada um marca, com sua presença, ação, fala, emoção. Antonio Vitorino Cardozo Neto, Adriano Valério Gabardo , Henrique Stumm… marcas dos professores que contagiam, interferem, promovem, provocam. Marcas de cada um dos alunos, atores fundamentais no que acontece em “sala de aula” – ou talvez possamos dizer: no palco dessa pós-graduação. Sorrisos, gargalhadas…  choros, comoção…  atenção, processamento…  momentos. É no presente, no aqui e agora, que as relações e ações se dão, e é assim que as “aulas” de psicodrama acontecem: vivendo esse dia.

Aliás: um curso VIVO! Um local, um tempo, um encontro marcado, onde seres humanos interagem e agem, interessados em conhecer, viver e saber fazer essa ciência viva que é o Psicodrama. Não usamos Power Point até agora: escrevemos com as mãos e ações, no momento, aquilo que correlacionamos entre o vivido e a teoria conservada. Ela, a teoria, interage como vida criada no momento, permeando as relações entre todos nós na pós: alunos, professores, livros…. atores, egos, diretores, plateia… teoria, prática… profissionais, pais, filhos, amigos, maridos, psicólogos, educadores, assistentes-sociais, comunicadores… papéis que se cruzam, se presentificam e nos auxiliam a ser. Ser espontâneos e criativos. Ser vivos. Ser transformadores. Ser atores e autores do próprio destino.

 

 

 

Texto: Adriano Valério Gabardo

Psicodramatista, fundador da Casa João de Barro, professor na pós-graduação em psicodrama.

Saiba mais sobre a Pós-Graduação Latu Senso em Psicodrama no link:

Pós Graduação Lato Sensu em Psicodrama

Notícias da Pós-Graduação em Psicodrama – caminhando, construindo, identificando…

Nabile Design | Copyright © Nabile | Todos os direitos reservados.

lasix online and where purchase bactrim and buy prozac without prescription.online viagra au without prescription. And you can buy order neurontin uk before online medics cialis order canada